quinta-feira, 4 de junho de 2009

Nas pegadas do passado...

Hoje lembrei-me... nunca me esqueço, mas quis gravar aqui a tua partida...
Mais o momento em que passaste pela minha vida e depois a deixaste!
Onde tudo parecia tão real... tão bonito...
Onde a vida parece não ter fim...
Onde todos parecemos imortais.... mas não somos pois não?
Na altura, julguei que te tinhas esquecido de mim, partiste sem uma despedida,
Partiste sem que o mundo se desse conta... deixaste o chão, o vento, o mar,
Mas ficaste para sempre no meu coração! No meu e de tantos que ainda hoje te Adoram como há sete anos atrás...!
Deixaste também a saudade... muita saudade...!
Na altura o mundo desabou... e ainda assim, no cantinho que encontraste, continuaste a ser a minha força, a minha esperança, até que me consegui libertar, até que me ajudaste a deixar o passado no seu lugar!
A deixar-te partir.... embora estejas sempre comigo!
Não há um dia que não me lembre... do teu rosto, do teu sorriso, da tua alegria, dos teus caracóis... do teu carinho, da tua preocupação.... do teu Amor, do teu ombro amigo...

Foste o primeiro, e por isso tão especial...! Guardado dentro do peito, das lembranças, dos sonhos... das nossas pequenas coisas que ficaram e me marcaram, estarás sempre vivo!

Hoje sei que és o meu verdadeiro anjo! Aquele que procuro em pensamento tantas vezes... a minha lágrima de saudade...

1 comentário:

X*** disse...

Demasiado profundo.. tens uma escrita penetrante.. ganhaste um seguidor.. Já há algum tempo que venho esperando pelos teus textos saírem, como um vício..

Parabéns...